Viva o povo brasileiro

Joao Ubaldo Ribeiro é ao lado de Jorge Amado o grande romancista baiano. Com estilos bem variados, as comparações podem acabar por aqui. Eles eram muito amigos e com Glauber Rocha formavam a tríade dos bons contadores de histórias, da inovação, da crítica e do bom humor da boa terra.

De seus romances li apenas O albatroz azul, mas acompanhava suas crônicas semanalmente há mais de três anos. É uma sensação bem estranha saber que não terei mais seus artigos engraçados e irônicos bem como suas memórias de Itaparica e de seu tempo de início de carreira jornalística.

Uma figura mítica e de bondade transbordante que deixa a vida literária brasileira num momento em que ainda lemos tão pouco. Sua obra fica, sem dúviida, para todos nós, cidadãos, como um consolo e uma necessidade única de lermos cada vez mais.

Em outra ponta, em um mês de Copa do mundo, Karl Ove Kanusgard e documentário, fui sedimentando o caminho para que este último ficasse pronto antes do reinício das aulas. Quase consegui fechar a montagem teste, ainda faltam ajustes para depois passarmos para a finalização do projeto que tem data para a exibição primeira em setembro. Quando setembro chegar…

Se por uma lado, abre-se o tempo para cozinhar mais as idéias acerca do que é o filme, por outro a ansiedade aumenta ao vê-lo repetidas vezes. Ainda assim não existe um filme necessariamente pronto, muito menos uma obra perfeita ” nunca tema a perfeição, você jamais irá alcançá-la,” alerta Salvador Dali. É um conforto presunçoso, mas não posso contestar o amigo de Bunuel.

Além disso, é apenas um filme. Ao assistir à Palestina sendo bombardeada, um avião civil derrubado com tanta gente a bordo, inclusive especialistas em estudo da AIDS que ajudaram a salvar milhões de vida, percebemos o quanto o nosso vasto mundo anda caduco.

A literatura, a amizade, o amor vêm para acalentar nesses tempos frios. Temas estes reunidos num romance sensacional de Karl Ove Knausgard, o segundo volume da série Minha Luta. Ao lê-lo, assistimos ao escritor-narrador discorrer sobre suas derrotas e vitórias, sobre a família, namorada, filhos com uma sensibilidade inacreditável. A experiência bem sucedida da narração está toda ali: num ataque de autoflagelação, na conversa sincera com sua parceira ou na véspera do ano novo, quando em meio aos seus dotes culinários, cada amigo conta uma história fracassada sobre suas famílias.

É incrível, soma-se a isso as belas descrições de Estocolmo, as digressões sobre a arte de escrever, e os bate-papos pelos cafés com seu fiel amigo Geir.
Karl Ove criou uma obra pungente, que deve ser desfrutada e acompanhada de perto.

Foi com este clima que acompanhei a copa do mundo no Brasil, esperando que houvesse algum tipo de manifestação que acabasse com esta letargia do povo brasileiro, que acordasse os fortes, e pior, fui pego mais uma vez, a despeito das corruptas CBF e FIFA, como um torcedor apaixonado, mas o 7×1 parece nos ter embasbacado e jogados de volta à atmosfera de pesadelo. Será isso possível?

Fim de festa, com uma Alemanha vitoriosa desde Santa Cruz Cabrália, por essas e outras que acredito um pouquinho no que diz Domenico De Masi, ou melhor, no povo baiano. Viva Vambeto e seu livro Realidade Nordestina.
Que venham o escore das eleições, porém antes, é evidente, a campanha eleitoral de cada candidato e, assim, veremos o que eles têm para nos oferecer.

Não posso deixar de dizer que a educação deveria vir em primeiro lugar. Não podemos afundar mais no compadrio, nos cargos comissionados e na desonestidade nas relações financeiras e no desafio-cotidiano. Quanta gente vendendo ingresso falso, quanta empresa oferecendo serviços de péssima qualidade, quantos ainda morremos todos os dias em filas de hospitais ou vítimas da violência gratuita.

Nosso documentário continua, pois a vida não para. E junto com ele, uma análise de como o Brasil mudou de cá prá lá, quem somos hoje e, doravante, arrisca a dizer, como será o amanhã?

20140720-183009.jpg

Da Bahia para o mundo: Uma das mentes mais lúcidas, engraçadas e sinceras de sua geração.

Anúncios

Um comentário sobre “Viva o povo brasileiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s